Palmas: sete candidatos disputam a prefeitura da capital mais jovem do país

Na disputa pela prefeitura da capital mais jovem do Brasil, Palmas, estão sete candidatos. Abelardo Gomes (PSOL), Carlos Amastha (PP), Fábio Ribeiro (PTdoB), Luciano Teixeira (PRP), Luana Ribeiro (PR), Marcelo Lelis (PV), Professor Adail (PSDC) disputam a vaga. Para o Legislativo municipal, 320 candidatos pleiteiam as 19 vagas de vereador, de acordo com dados divulgados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

O desafio será administrar uma cidade que detém um crescimento demográfico forte e começou a ser construída no final da década de 1980 para ser a capital do estado do Tocantins. De acordo com a estimativa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em 2011, o município já contava com pouco mais de 235 mil habitantes. Desse total, cerca de 150 mil pessoas estão aptas a votar no dia 7 de outubro.

Palmas apresenta um Índice de Desenvolvimento Humano considerado elevado pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud): 0,8 ponto. A capital do Tocantins, de acordo com o IBGE, apresenta um Produto Interno Bruto (PIB) de aproximadamente R$ 2,9 bilhões, estimulado principalmente pelo setor de serviços.

As microempresas são maioria, elas compõem mais de 80% das 6.276 empresas instaladas no município. A renda per capita de acordo com o levantamento feito pelo IBGE é pouco mais de R$ 15,7 mil.

Nas finanças públicas, o IBGE encontrou uma situação superavitária em 2009, com receitas orçamentárias realizadas (correntes) no valor de cerca de R$ 420 milhões e de despesas orçamentárias empenhadas que somaram pouco mais de R$ 345 milhões. O município também recebeu aproximadamente R$ 145 milhões do Fundo de Participação dos Municípios (FPM).

Por: Luciana Lima
Fonte: Agência Brasil – EBC
Edição: Talita Cavalcante

Deixe um comentário