Universidades da Amazônia estão entre as piores da América Latina

Universidades federais do Pará e do Acre são as únicas da Amazônia citadas na pesquisa e estão entre as piores da América Latina.

Universidade Federal do Acre está na 247ª posição do ranking das instituições de ensino superior da América Latina. Foto: Arquivo/ Portal Amazônia

Uma pesquisa entre as instituições de ensino superior da América Latina apontou as universidades federais do Pará (UFPA) e do Acre (Ufac) como as piores da região analisada. Estas são as únicas universidades da Amazônia citadas na pesquisa que ganhou divulgação nesta terça-feira (28). No Brasil, a Universidade de São Paulo (USP) é apontada pela terceira vez seguida como a melhor universidade da América Latina.

A pesquisa QS University 2013 está disponível no site da pesquisa. A posição das universidades é baseada na avaliação de sete critérios, entre impacto da instituição na internet, quantidade de artigos publicados, reputação acadêmica e citações em artigos.

Leia também: Universidade do Estado do Pará tem novo reitor e vice, nesta terça-feira Indígenas Cinta Larga com vaga gratuita em faculdades particulares de Rondônia A Universidade Federal do Pará aparece na posição de número 293 entre 300 universidades analisadas. Segundo informações do site da UFPA, a instituição tem mais de 50 mil pessoas, sendo 2.522 professores, incluindo efetivos do ensino superior, efetivos do ensino básico, substitutos e visitantes; 2.309 servidores técnico-administrativos. A universidade tem 7.101 alunos de cursos de pós-graduação, sendo 4.012 estudantes de cursos de pós-graduação stricto sensu; 32.169 alunos matriculados nos cursos de graduação, 18.891, na capital, e 13.278, distribuídos pelo interior do Estado. São 513 cursos de graduação, 43 cursos de mestrado e 22 de doutorado.

Já em melhor situação, a Universidade Federal do Acre aparece na 247ª posição do ranking.

Confira o ranking das dez melhores universidades da América Latina:

1º – Universidade de São Paulo (USP) – Brasil

2º – Pontificia Universidad Católica de Chile – Chile

3º – Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) – Brasil

4º – Universidad de Los Andes – Colômbia

5º – Universidad de Chile – Chile 6º – Universidad Nacional Autónoma de México – México

7º – ITESM (Tecnológico de Monterrey) – México

8º – Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) – Brasil

9º – Universidad Nacional de Colombia – Colômbia

10º – Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) – Brasil

Fonte: Portal Amazônia

Deixe um comentário