Natan Donadon ganha mais um dia para apresentar defesa em processo de perda de mandado

Por uma questão regimental, o deputado Natan Donadon (sem partido-RO), preso no Complexo Penitenciário da Papuda, em Brasília, desde o dia 28 de junho, ganhou mais um dia para apresentar defesa no processo de perda do mandado.

O prazo inicial para apresentar suas alegações acabaria ontem (10). No entanto, como não foram feitas sessões ordinárias, apenas extraordinárias, que não valem para contagem do prazo, o dia de hoje não pode ser computado.

Condenado a 13 anos e quatro meses de prisão pelo Supremo Tribunal Federal (STF) por peculato e formação de quadrilha, o deputado foi expulso do PMDB e terça-feira (9) a Mesa Diretora da Câmara passou a considerá-lo oficialmente afastado das atividades na Casa.

Com isso, Donadon deixa de receber todas as remunerações referentes à atividade parlamentar, mas continua sendo considerado deputado federal.

Por: Ivan Richard
Fonte: Agência Brasil – EBC
Edição: Fábio Massalli

Deixe um comentário