Aneel faz leilão de energia para novos empreendimentos de hidrelétrica e termelétrica

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) faz hoje (29) mais um leilão para contratação de energia de novos empreendimentos de fontes hidrelétrica e termelétrica. Foram habilitados 37 projetos, sendo 16 termelétricas a biomassa, três termelétricas a carvão, uma termelétrica a gás natural, 15 pequenas centrais hidrelétricas e duas hidrelétricas, sendo uma em Sinop e outra em Salto Apiacás, ambas em Mato Grosso. O leilão ocorre via internet a partir das 10h.

O preço inicial da energia da Usina Hidrelétrica (UHE) Sinop será R$ 118 por megawatt-hora (MWh), enquanto o preço inicial dos outros produtos a serem ofertados será R$ 140/MWh. O sexto leilão de energia seleciona empreendimentos que começarão a oferta a partir de 1º de janeiro de 2018. Os certames, cujo início do suprimento ocorre em cinco anos, são classificados como A-5.

Segundo a Aneel, a oferta de geração está concentrada nos seguintes estados: Bahia, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo. O contrato de comercialização de fonte hidráulica será por quantidade de energia, com prazo de 30 anos de duração. A fonte térmica, por sua vez, será por disponibilidade de energia, com prazo de 25 anos.

Ontem (28), ativistas da organização não governamental Greenpeace fizeram um protesto contra o retorno das usinas termelétricas a carvão no Leilão de Energia A-5.

Edição: Denise Griesinger

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) faz hoje (29) mais um leilão para contratação de energia de novos empreendimentos de fontes hidrelétrica e termelétrica. Foram habilitados 37 projetos, sendo 16 termelétricas a biomassa, três termelétricas a carvão, uma termelétrica a gás natural, 15 pequenas centrais hidrelétricas e duas hidrelétricas, sendo uma em Sinop e outra em Salto Apiacás, ambas em Mato Grosso. O leilão ocorre via internet a partir das 10h.

O preço inicial da energia da Usina Hidrelétrica (UHE) Sinop será R$ 118 por megawatt-hora (MWh), enquanto o preço inicial dos outros produtos a serem ofertados será R$ 140/MWh. O sexto leilão de energia seleciona empreendimentos que começarão a oferta a partir de 1º de janeiro de 2018. Os certames, cujo início do suprimento ocorre em cinco anos, são classificados como A-5.

Segundo a Aneel, a oferta de geração está concentrada nos seguintes estados: Bahia, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo. O contrato de comercialização de fonte hidráulica será por quantidade de energia, com prazo de 30 anos de duração. A fonte térmica, por sua vez, será por disponibilidade de energia, com prazo de 25 anos.

Ontem (28), ativistas da organização não governamental Greenpeace fizeram um protesto contra o retorno das usinas termelétricas a carvão no Leilão de Energia A-5.

Por: Camila Maciel
Fonte: Agência Brasil – EBC
Edição: Denise Griesinger

Deixe um comentário