Corda da procissão deste ano já chegou à capital do Pará

Um dos principais ícones do Círio de Nossa Senhora de Nazaré chega hoje a Belém. A corda do Círio deste ano será igual à do ano passado, com 800 metros de comprimento e 50 milímetros de diâmetro. A corda foi produzida em Santa Catarina e, depois de breve escala em São Paulo, está vindo de caminhão para Belém em frete doado pela transportadora Novo Progresso.

A corda é feita de sisal e seus 800 metros serão divididos em dois pedaços menores, cada um com 400 metros. Um deles será usado na Trasladação e outra metade, na grande romaria do domingo, na 221ª edição do Círio de Nazaré.

Como ano passado, a própria Guarda de Nazaré deve romper e distribuir a corda, após a benção de Dom Alberto Taveira em frente ao Colégio Santa Catarina. Este ano, a diretoria da festa também fez a campanha “Não Corte da Corda”, para evitar o corte da corda antes do previsto e garantir a segurança dos promesseiros.

O símbolo foi usado pela primeira vez durante a procissão do ano de 1855, quando a berlinda que conduz a imagem de Nossa Senhora ficou imóvel em uma das romarias e precisou ser puxada. Desde então, a corda foi incorporada à festividade e passou a ser o elo entre Nossa Senhora de Nazaré e os fiéis.

Fonte: Diário do Pará

Deixe um comentário