Justiça suspende transferência de presos da Operação Apocalipse

A 1ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Rondônia suspendeu a ordem judicial para a transferência de presos da Operação Apocalipse para a Penitenciária Federal em Mossoró, no Rio Grande do Norte. A decisão da juíza Sandra Silvestre suspendeu na quarta-feira (11) a transferência enquanto aguarda a decisão da Justiça Federal no Rio Grande do Norte quanto à admissão dos presos.

Ontem (13), os presos Alberto Ferreira Siqueira (Beto Baba), e Fernando Braga Serrão (Fernando da Gata), que aguardam a resposta sobre a transferência, foram escoltados ao Instituto-Médico Legal (IML) e ao Ministério Público (MP) de Rondônia, onde prestaram depoimento ao promotor de Segurança Pública, Alan Castiel.

Além dos três, o vereador Jair Montes, também preso durante a operação, aguarda a transferência para a penitenciária federal em Mossoró, no Rio Grande do Norte, segundo ordem judicial emitida pela Vara de Execuções Penais na última segunda-feira (9).

A Operação Apocalipse investigou o esquema criminoso que movimentou cerca de R$ 80 milhões em nove estados. A polícia apurou o envolvimento de empresário, políticos e funcionários públicos com estelionato e associação de pessoas ao tráfico de drogas. A quadrilha financiava campanhas políticas e captava recursos por meio de lavagem de dinheiro. Em troca, os benefícios estavam relacionados a nomeação de funcionários fantasmas. Das 83 pessoas indiciadas pela Polícia Civil, 50 foram denunciadas pelo Ministério Público por formação de quadrilha, estelionato, associação ao tráfico e auxílio ao uso indevido de drogas.

Por: Luciano Nascimento
Fonte: Agência Brasil – EBC
Edição: Fábio Massalli

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*