Belém é 23ª cidade mais violenta do mundo, diz ONU

Belém está no triste ranking das 30 cidades mais violentas do mundo. É a 23ª colocada de acordo com um novo estudo realizado pelo Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (UNODC), com 48,2 assassinatos por 100 mil habitantes. O Brasil tem 11 das 30 cidades mais violentas, sendo que Maceió é a quinta cidade do mundo em homicídios por cada 100 mil habitantes, com 79,8. Fortaleza (72,8) está na sétima posição e João Pessoa (66,9), em nono. A América Latina desbancou a África como a região mais violenta. O estudo foi feito com base em assassinatos ocorridos no ano de 2012.

No mesmo estudo, feito no ano anterior pela ONG Conselho Cidadão para a Segurança Pública e Justiça Penal, com sede no México, a capital paraense era a 26ª. Em apenas um ano subiu três posições. O ranking é feito todos os anos. Para os pesquisadores da ONU, o elevado índice de homicídios na América Latina está ligado ao crime organizado e à violência política, que persiste há décadas nos países latino-americanos. A maior parte das mortes (66%) foram provocadas por armas de fogo.

De acordo com a ONU, quase meio milhão de pessoas (437 mil) em todo o mundo perderam a vida em 2012 como resultado de homicídio doloso. Mundialmente, cerca de 80% das vítimas de homicídio e 95% dos autores desse crime são homens. Quase 15% de todos os homicídios resultam de violência doméstica (63,6 mil). No entanto, a esmagadora maioria – quase 70% – de vítimas mortais de violência doméstica são mulheres (43,6 mil).

Honduras é hoje o país com maior número de assassinatos por 100 mil habitantes. O índice registrado naquele país aponta para o que os pesquisadores chamam de “situação fora de controle”. O segundo país mais violento é a Venezuela, seguido por Belize e El Salvador.

Já o Brasil é país com mais cidades na lista da violência, seguindo pelo México, com seis – ambos são os países mais populosos da América Latina. Venezuela e Colômbia têm três cidades e Honduras e Estados Unidos, duas. Além de Maceió, Fortaleza e João Pessoa, foram listadas pelo levantamento das Nações Unidas Natal (12ª posição); Salvador (13ª); Vitória (14ª); São Luís (15ª); Belém (23ª); Campina Grande (25ª); Goiânia (28ª); e Cuiabá (29ª).

Fonte: Diário do Pará

Deixe um comentário