Não deixe o Brasil entrar pelo cano

A ONG Uma Gota no Oceano acaba de lançar uma campanha pelo Desmatamento Zero, com o apoio de grandes nomes do cinema, da moda e das artes

O oceano é uma das coisas mais poderosas e cheias de vida da Terra. Mas a força dessa imensidão azul é feita de milhões de pequenas gotas, onde cada uma conta. Seguindo o mesmo princípio, o movimento Uma Gota no Oceano acaba de lançar a campanha “Entrando pelo Cano”, para reunir e engajar pessoas a lutarem juntas pelo fim do desmatamento no Brasil.

Entre as gotas que já se uniram a este “oceano” em defesa das florestas, estão os atores Marcos Palmeira, Letícia Spiller, Maria Paula, Jorge Pontual, o diretor Marcos Prado e mais de 1,4 milhões de brasileiros! Em sua campanha, o Uma Gota busca mostrar a relação do desmatamento das florestas com o que acontece nas cidades, como a deterioração do clima e a falta de água.

Veja o vídeo

“Você sabe o que acontece do outro lado da sua torneira?”, provoca o vídeo da campanha. “O desmatamento está fazendo o Brasil entrar pelo cano”, completa. A ação, que busca promover informações sobre o projeto de lei pelo Desmatamento Zero e sobre a necessidade de preservarmos as florestas, conta também com um site, que traz vídeos e informações, com consulta simples e visual.

“A ideia é democratizar o acesso à estas informações e envolver a sociedade nas decisões que definem o nosso futuro”, diz Maria Paula Fernandes, diretora fundadora da Uma Gota no Oceano.

“Tive oportunidade de conhecer de perto a Amazônia em minhas viagens e isso me mudou. Não podemos ficar parados diante do que está acontecendo coma floresta”, afirmou Letícia Spiller, embaixadora do Greenpeace pelo Desmatamento Zero.

Letícia Spiller é embaixadora do Greenpeace pelo Desmatamento Zero (© Marcelo Tabach)
Letícia Spiller é embaixadora do Greenpeace pelo Desmatamento Zero (© Marcelo Tabach)

A camiseta vestida pelos artistas na ação do Uma Gota foi desenvolvida pelo estilista Ronaldo Fraga, especialmente para o Greenpeace. “Não são poucas as questões que me levaram a abraçar essa causa e deveria ser um compromisso civil de todo brasileiro”, disse. “Certa vez ouvi de um barranqueiro que o povo do rio é o rio, sem o rio o povo de lá não existe. O mesmo se aplica ao povo da floresta. Toda a ancestralidade que vem dos seres e saberes vão embora junto com o desmatamento”, completa.

Desmatamento Zero

Desde 2012 o Greenpeace vem coletando assinaturas para levar ao Congresso Nacional um Projeto de Lei pelo Desmatamento Zero no Brasil. Pela proposta, fica proibido o corte de floresta nativa e não serão mais emitidas autorizações para novos desmatamentos. Essa petição é também uma maneira de chamar a sociedade para participar da construção de um futuro sustentável para o Brasil.

No último dia 14, algumas das maiores organizações socioambientais do Brasil, entre eles o próprio Uma Gota, lançaram o manifesto “Desmatamento Zero e o Futuro do Brasil”, que mostra a enorme importância de, como nação, assumirmos a meta de zerar o desmatamento nos próximos anos, algo considerado pelo grupo como “necessário e factível”. Segundo o documento, caso o País não seja mais ambicioso em suas metas de combate a destruição de biomas ameaçados, o Brasil poderá amargar grandes prejuízos em curto prazo. O que reforça, ainda mais, a necessidade e o desejo da sociedade de alcançar o fim do desmatamento.

Já contamos com o apoio de mais de 1,4 milhões de brasileiros e muito em breve, depois de três anos e muito engajamento da população, finalmente entregaremos o projeto para apreciação no Congresso.

As florestas brasileiras continuam sendo devastadas. A Amazônia já perdeu mais de 760 mil km2 de suas florestas nativas, devastação que já chega a 19,1% do bioma. No caso da Mata Atlântica, restam apenas 8,5% de remanescentes florestais com mais de 100 hectares. A falta de floresta prejudica a produção de chuvas e nossa capacidade de enfrentar as mudanças climáticas, comprometendo a qualidade de vida de toda a população.

Faça parte deste movimento. Se você ainda não assinou a petição, assine agora! Transmita informações, fale com seus amigos, compartilhe os vídeos e ajude-nos a alcançar a marca de 1,43 milhões de assinaturas – Estamos muito perto disso!

Fonte: Greenpeace Brasil

Deixe um comentário

2 comentários em “Não deixe o Brasil entrar pelo cano

  • 12 de fevereiro de 2018 em 20:53
    Permalink

    O artigo é antigo,mas gostei,acredito que é aplicável aos dias de hoje.

  • 19 de setembro de 2015 em 22:19
    Permalink

    Prezados,

    Sou professor coordenador em uma escola com 1.300 alunos. Faço um trabalho de conscientização sobre vários assuntos diariamente.
    Gostaria muito de adquirir essa bonita camiseta da Campanha Desmatamento Zero. Como Faço?

    Agradeço,

    Carlos Ferrari

Os comentários estão desativados.