Exército lança novo sistema de monitoramento de fronteira em RO

Rede de sensores será instalada em rio na fronteira entre Brasil e Bolívia.Sisfron já foi implementado nos estados do Amazonas e Mato Grosso do Sul.

O Exército Brasileiro apresentou nesta segunda-feira (16) o novo Sistema de Implementação de Segurança Fronteira (Sisfron), que será instalado em Rondônia. Uma rede de sensores será instalada na linha de fronteira entre Brasil e Bolívia e ficará interligada às unidades operacionais, com transmissão em tempo real de eventuais problemas detectados. O objetivo é intesificar o combate ao tráfico de drogas.

O sistema será implementado por meio de cabos de fibra ótica fluviais enterrados no leito do Rio Mamoré, na fronteira entre o município brasileiro de Guajará-Mirim (RO) e a Bolívia. O Brasil faz fronteira com mais dez países e nenhum deles é nosso inimigo. Por isso, nossa preocupação principal é combater ao tráfico de drogas na região , explicou o general Sérgio Westphalen Etchegoyen.

Ainda segundo o general, o Brasil é considerado o segundo maior consumidor de cocaína do mundo. Temos no país mais de 2 milhões de usuários de cocaína. Esperamos diminuir esse número com a implementação do sistema , avaliou Etchegoyen.

O projeto tem amplas funções, além de segurança, visa ajudar as comunidades ribeirinhas e indígenas e projetos ambientais e agrários. Tudo vai ser implantado por recurso do governo do Estado , disse o governador de Rondônia, Confúcio Moura, sem informar o custo para a implementação do Sisfron.

O Sistema de Implementação de Segurança Fronteira (Sisfron) sistema já foi instalado em Mato Grosso do Sul e Amazonas.

Fonte: G1

Deixe um comentário