Mato Grosso e Pará têm casos de microcefalia sob investigação

 Segundo o Ministério da Saúde, já são 72 suspeitas em Mato Grosso e 3 no Pará Novo boletim epidemiológico do Ministério da Saúde revela que agora são quatro os estados da Amazônia com casos de microcefalia sob investigação. Até então, da Amazônia Legal apenas Maranhão e Tocantins haviam registrados essas ocorrências.

Em Mato Grosso são 72 casos suspeitos, Maranhão 56 casos suspeitos e 7 descartados, Tocantins 43 casos suspeitos e 7 descartados e no Pará 3 casos suspeitos. Em todo o país são 134 casos confirmados de microcefalia relacionados ao Zika Vírus, mas nenhum caso confirmado até agora na região da Amazônia Legal.

O diretor de vigilância de doenças transmissíveis do Ministério da Saúde, Cláudio Maierovitch fez um alerta as pessoas que vão viajar para lugares em situação de vírus, que essas pessoas se protejam e façam o uso de repelentes. Então, pessoas que vão viajar com destino à Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte, Sergipe, onde existe casos confirmados da doença devem fazer o uso do repelente para se proteger contra o Zika Vírus, e casos de microcefalia, principalmente as mulheres em idade fértil, mulheres grávidas, e as que foram mães a pouco tempo.

Fonte: Rádio Nacional da Amazônia /  EBC
Deixe um comentário