Morte de peixes assusta ribeirinhos no Maranhão

Diversas espécies de peixes apareceram mortos no rio Itapecuru, na região de Aldeias Altas. Segundo pescadores, há suspeita de envenenamento.

Moradores de comunidades ribeirinhas da cidade de Aldeias Altas, a 392 km de São Luís, estão assustados com a grande quantidade de peixes mortos no rio Itapecuru. Apesar da área estar sob a proteção da Secretaria de Meio Ambiente, até o momento ninguém apareceu no local para investigar a mortandade de peixes.

Peixes encontrados mortos na beira do rio Itapecuru, em Rosário, MA.

Desde o dia 13 de Novembro circulam na internet registros dos peixes mortos no rio. O pescador Raimundo Lopes afirmou que muitas pessoas testemunharam o caso. “Era muito peixe morto. A maioria das pessoas que foram para lá viram. Alguns estavam mortos e outros ainda estavam agonizando, afirmou o pescador.

Dentre as espécies de peixes mortos haviam Surubins e Mandis de até 10 Kg. O pescador Luís Castro também confirmou o caso. “Tinha muito peixe morto. Eu cheguei a ver os peixes. Surubim, Piau… muitos peixes mesmo eu cheguei a ver”, declarou Luiz Castro.

Nos últimos dias não houve mortes de peixes no rio Itapecuru. Mesmo assim, as canoas usadas na pesca estão paradas. Segundo o pescador Raimundo Nonato, os pescadores consideram arriscado coletar peixe no rio depois do que aconteceu. “Ficamos com medo de pescar, né? Com medo também de comer o peixe”, declarou o pescador.
A Secretaria Estadual do Meio Ambiente informou que já enviou uma equipe de químicos para coletar amostras da água do Rio Itapecuru com o objetivo de investigar as possíveis causas da mortandade de peixes. A Secretaria também informou que após as análises deverá tomar as medidas cabíveis.
Fonte: G1 Maranhão
Foto: Blog do Marcial Lima
Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*