Oito detentos fogem e sete ficam feridos após rebelião em presídio no Pará

A Superintendência do Sistema Penitenciário do Estado (Susipe) confirmou a fuga de oito detentos após rebelião no Centro de Recuperação Regional de Bragança (CRRB), no Pará, nesta segunda-feira (16). Outros sete ficaram feridos e são atendidos na unidade prisional por uma equipe do SAMU. Não foi registrada nenhuma morte.

Em boletim, a Susipe informou que a rebelião foi controlada. A Companhia de Operações Especiais da Polícia Militar foi deslocada até o local para atuar nas negociações, que foram encerradas por volta das 10h30, quando ocorreu a invasão tática na unidade.

Segundo a Diretoria de Administração penitenciária, os presos se rebelaram por conta da superlotação e demora das audiências com a Justiça. São 315 detentos custodiados no CRRB, mas a capacidade é de 122 presos. A rebelião começou por volta das 06h15, durante a entrega do café da manhã. Eles começaram a depredar parte das celas do bloco carcerário, além de queimar colchões e subir no telhado.

Um dos presos chegou a ser feito refém por outros, mas foi liberado. Nenhum agente penitenciário foi feito refém.

Agora, equipes da PM fazem buscas aos foragidos. São eles: Alan Monteiro, Arlindo da Silva, Claúdio Robson Amorim, Elton Rodrigues da Silva, Luan Victor do Rosário Reis, Rafael Rodrigo Sousa da Silva, Renan Assunção Mendonça, Rodrigo da Silva Costa.

Tentativa de fuga anterior

No último dia 10, 21 presos e um agente penitenciário morreram durante tentativa de fuga do Centro de Recuperação penitenciária do Pará III, em Santa Izabel.

Fonte: Jovem Pan

Deixe um comentário