Ministro da Agricultura espera maior aproximação entre Embrapa e ministério

O ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Mendes Ribeiro Filho, disse, durante a posse do novo presidente da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), Maurício Antônio Lopes, esperar que a gestão do engenheiro agrônomo marque uma aproximação entre a Embrapa e o ministério.

Lopes assegurou que vai trabalhar para a aproximação e voltou a destacar prioridades em sua gestão à frente da empresa. Segundo ele, uma das ênfases das pesquisas da Embrapa será dada ao setor sucroalcooleiro. O objetivo do pesquisador é fortalecer pesquisas em cana-de-açúcar, que é o principal pilar do setor, mas desenvolver alternativas que garantam mais flexibilidade à atividade e aumentem a capacidade de superação de problemas como os provocados pela sazonalidade na produção de álcool no país.

“Temos o sorgo sacarino. Uma empresa como a nossa tem que mirar o futuro e estamos antecipando que vem aí a revolução das biorefinarias com o uso de biomassa para as mais variadas finalidades e o setor sucroenergético é o candidato principal a ajudar o Brasil a estruturar esta estratégica com foco na economia verde, na química verde”, disse.

Lopes também destacou que a empresa precisa desenvolver novas tecnologias para ampliar o conhecimento sobre a base de recursos naturais no país. “Temos que fortalecer o trabalho de pesquisa em monitoramento por satélite, em zoneamento. Precisamos, por exemplo, mapear as áreas de pastagens degradadas do Brasil, que são uma fronteira importante para nossa agropecuária, por exemplo, com sistema de integração lavoura, pecuária e floresta”.

Por: Carolina Gonçalves
Fonte: Agência Brasil – EBC
Edição: Fábio Massalli

Deixe um comentário