Maior floresta tropical do mundo em cartaz na Amazônia Mundi 2013-2015

Pelos próximos 17 meses, interessados em conhecer melhor a Amazônia sem que para isso precisem viajar até a maior floresta tropical do mundo podem visitar a exposição Amazônia Mundi 2013-2015, em cartaz em São Paulo. Segundo informações da agência Museu Goeldi, que participa desta edição, a Amazônia Mundi apresenta as principais questões existentes no imaginário humano sobre a “Grande Floresta Amazônica” e, ao mesmo tempo, informa quanto à situação atual da região e sua importância para o planeta.

Com mais de 1.200 m², divididos em dois espaços da unidade (área externa e galpão), a exposição conta com uma Vila Amazônica, esculturas gigantes de animais da região, instalações artísticas que aludem à floresta suspensa e ao ciclo das águas (“rios voadores”) e uma oca construída por índios Wayana. A visitação permite a observação fugaz de animais e sons escondidos na “floresta”, além das constelações do céu, vistas por diferentes culturas indígenas. A destruição da Amazônia, em decorrência do modelo atual de consumo e desenvolvimento, também é lembrada por meio da instalação “Amazonfagia”.

A trilha sonora do espaço expositivo, concebida por Alvise Migotto, recria sons de pássaros, insetos, vento e chuva, que compõem cada ambiente de uma forma diferente. Em montagem inédita, a exposição Amazônia Mundi acumula a experiência de outras 12 montagens que percorreram 10 países e foram vistas por cerca de 1,5 milhão de pessoas.

“Os conteúdos são apresentados de forma contemporânea, criativa, utilizando fotografias, vídeos, instalações cenográficas de grandes artistas nacionais. Inclui ainda a realização da mostra de cinema, shows musicais, oficinas e projeto pedagógico para escolas. O público estimado para essa visita é de 240 mil visitantes”, informa a agência Museu Goeldi

A edição 2013-2015 conta com obras fotográficas da Estação Científica Ferreira Penna (ECFPn), base de pesquisas científicas do Museu Paraense Emílio Goeldi (MPEG), unidade de pesquisa do Ministério da Ciência Tecnologia e Inovação (MCTI), que fez 20 anos de existência nesse outubro de 2013.

Mais informações:

http://www.sescsp.org.br/sesc

Fonte: Adital

Deixe um comentário