Governador reeleito no Pará pede união de forças no estado

O governador reeleito do Pará, Simão Jatene, do PSDB, agradeceu a manifestação dos eleitores durante toda a campanha. Em entrevista a jornalistas após o anúncio do resultado o segundo turno, Jatene destacou o “abraço fraterno” e o “gesto carinhoso” que recebeu nos quatro cantos do estado. Sobre a vitória de Dilma Rousseff, do PT, para a Presidência da República, ele disse que, como sempre respeitou o governo federal, espera ter reciprocidade como ponto de partida.

“O Pará historicamente tem contribuído de forma marcante para desenvolvimento brasileiro. E essa contribuição não tem tido reconhecimento por parte do governo federal. É fundamental que se reveja [isso]”, disse. Em um discurso voltado à necessidade de união de forças no Pará, Jatene disse que as diferenças entre lideranças políticas precisam ser revistas.

“Tenho um princípio de que a todo tempo a gente precisa avaliar acertos e erros”, disse o governador reeleito, respondendo à pergunta sobre como deve comandar sua próxima administração. Jatene informou que deve rediscutir a estrutura organizacional do estado, já que, no primeiro mandato, a preocupação maior era com o equilíbrio das contas. Aos eleitores que não votaram nele, o governador afirmou que a “única forma que tenho de indicar e esperar que em outro momento estejamos juntos e próximos é através do trabalho, não vejo outra forma de fazer”.

Logo após a divulgação do resultado, muitas pessoas foram às ruas. Os bairros do centro da cidade não ficaram completamente lotados. Crianças e adultos eram vistas portando bandeiras com a cor e o número de Simão Jatene.

A comemoração teve início em uma das principais avenidas da capital paraense. Jatene concedeu entrevista coletiva no comitê central de sua campanha, para onde se dirigiram centenas de militantes e eleitores do governador. Muitas pessoas se abraçavam, dançavam e cantavam o jingle da campanha.

Alguns carros estacionaram no cruzamento da Avenida Nazaré com a Quintina, o que causou congestionamento no trânsito. Por volta das 20h30, horário local (21h30 em Brasília), um carro bateu em um ônibus, que ficou atravessado na avenida e foi atingido por outro ônibus. Os passageiros do ônibus desceram, mas poucos minutos depois a situação já havia sido resolvida e o trânsito voltou a fluir, ainda que de forma lenta. Uma hora e meia depois, o candidato fez uma carreata nas ruas nas proximidades do complexo turístico Estação das Docas, perto do Rio Guamá, onde se concentrou a maior parte dos eleitores que comemoravam a vitória.

Em entrevista à Agência Brasil nesse sábado (25), Simão Jatene explicou como pretende implantar o que tem chamado de Pacto pela Educação. Após obter empréstimo de US$ 200 milhões do Banco Interamericano de Desenvolvimento, o estado está aportando mais US$ 100 milhões para ações de expansão da infraestrutura escolar e utilização da internet para tornar a educação mais atrativa às crianças e jovens. Outra proposta dele é a criação de centros regionais de governo, para descentralizar a administração, e de uma política de remuneração do servidor público que esteja atrelada ao crescimento da receita.

Por: Paulo Victor Chagas
Fonte: Agência Brasil – EBC
Edição: Juliana Andrade

Deixe um comentário