Brasil espera que COP-20 termine com rascunho para acordo global climático

O Brasil espera que a 20ª Conferência das Partes da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre a Mudança do Clima (COP-20) – que ocorrerá de 1º a 12 de dezembro em Lima – termine em um rascunho com elementos para conclusão do novo acordo global climático, que será definido na COP-21, em Paris, no ano que vem.

A COP-20 é considerada uma conferência de transição, em preparação para a COP-21, cujo objetivo é alcançar novo acordo para entrar em vigor em 2020.

“A reunião de Lima é absolutamente fundamental para que tenhamos condições de concluir o acordo na Conferência de Paris. Hoje, não temos ainda um rascunho negociador. Um dos resultados esperados é podermos avançar na elaboração dos elementos do novo acordo, que será concluído no ano que vem”, disse o subsecretário-geral de Meio Ambiente, Energia, Ciência e Tecnologia do Ministério das Relações Exteriores, José Antonio Marcondes de Carvalho, negociador-chefe da missão brasileira nas conferências internacionais sobre temas ambientais.

De acordo com o embaixador, outro resultado esperado na negociação na capital peruana é no sentido de aprofundar as discussões para que os países estabeleçam ações mais ambiciosas de redução de emissões de gases de efeito estufa e de medidas de adaptação, antes de 2020.

O embaixador informou que a delegação brasileira vai defender a manutenção da diferenciação de metas de redução das emissões de gás para países desenvolvidos e em desenvolvimento, prevista no acordo atual. Segundo ele, as metas devem ser estabelecidas para cada país, de acordo com suas responsabilidades nos níveis de emissão.

Por: Ana Cristina Campos
Fonte: Agência Brasil – EBC
Edição: Stênio Ribeiro

Deixe um comentário