Agricultura e Integração discutem irrigação para classe média rural

A ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Kátia Abreu, recebeu ontem (27) o ministro da Integração Nacional, Gilberto Occhi, para tratar dos perímetros irrigados mantidos pela pasta da Integração. A ideia é firmar parceria para integrar as ações de irrigação ao programa da classe média rural.

“Podemos nos unir para integrar os perímetros irrigados ao nosso programa de ascensão da classe média rural”, afirmou Kátia Abreu. Ela acrescentou que, para o Ministério da Agricultura, são prioritárias as áreas que já têm bom potencial de irrigação, com disponibilidade de energia, água, solo, armazenagem e estrada.

Gilberto Occhi mostrou entusiasmo com a parceria e disse que o Ministério da Integração pode auxiliar o programa da classe média rural. “Esse é um ponto que queríamos juntar porque, entre a classe média, há a questão da capacitação, melhoria da produtividade e do desempenho. Precisamos oferecer eficiência energética e hídrica para conseguir eficiência econômica”, destacou Occhi.

De acordo com o ministro, o Brasil tem potencial para expandir as terras irrigadas em até 61 milhões de hectares, o que equivale a dez vezes o tamanho da área atual. O dado consta do estudo Análise Territorial para o Desenvolvimento da Agricultura Irrigada, feito pelo Ministério da Integração e divulgado em junho.

Por: Stênio Ribeiro
Fonte: Agência Brasil – EBC
Edição: Armando Cardoso

Deixe um comentário