Equipes do ICMBio são atacadas após apreensão de madeira no Pará

De acordo com o Instituto, os funcionários tiveram que abandonar os veículos e a carga por falta de segurança. A ação é investigada pela Polícia Civil.

Duas equipes do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) foram atacadas na noite do último sábado (19) no sudoeste do Pará. Os técnicos do instituto apreenderam cinco caminhões carregados com madeira extraídas ilegalmente da floresta Nacional de Itaituba II. A ação é investigada pela Polícia Civil.

A maioria da carga era de madeira de Angelim. Os fiscais do ICMBio conseguiram tirar apenas três dos caminhões do local da apreensão. Eles foram parados na estrada porque populares teriam incendiado uma ponte de acesso ao local. Após apagarem o fogo, as equipes chegaram a rodovia BR-163, mas foram atacados quando entrara no município de Trairão.

De acordo com o instituto, os caminhões foram cercados e atacados com paus e pedras por manifestantes. Os funcionários do instituto tiveram que abandonar os veículos com a carga apreendida por falta de segurança.

Fonte: G1

Deixe um comentário