Itaú Unibanco e Ekos Brasil lançam edital 2020 do Programa Ecomudança

Até 30 de abril, entidades sem fins lucrativos – organizações sociais, fundações, associações, movimentos sociais e cooperativas poderão inscrever suas iniciativas de mitigação e adaptação às mudanças climáticas no Ecomudança, um programa anual do Itaú Unibanco, em parceria com o Instituto Ekos Brasil.

Os aportes são provenientes da destinação de parte das taxas administrativas dos fundos de renda fixa Itaú Ecomudança. O programa busca projetos ou negócios de impacto envolvendo tecnologias e práticas sociais que compreendam energia renovável, manejo de resíduos, florestas e agricultura sustentável com possibilidade de geração de renda para se manterem financeiramente a longo prazo e com alto potencial de replicação.

“Acreditamos que as pessoas podem transformar o mundo e sabemos que como banco podemos estimular essa transformação e potencializar o impacto das iniciativas. Por meio do Programa Ecomudança, mais de R$ 7 milhões já foram investidos no país em 69 projetos beneficiados desde sua criação, reforçando nosso compromisso de gerar cada vez mais impacto positivo e nosso posicionamento em sustentabilidade”, explica Luciana Nicola, superintendente de Relações Institucionais, Sustentabilidade e Negócios Inclusivos do Itaú Unibanco.

Parceiros do Itaú desde o início, o Instituto Ekos Brasil comemora a importância e o poder de transformação dos projetos do Ecomudança. “As iniciativas são lideradas por pequenas organizações de todo o Brasil, que conseguem unir tecnologias sociais de baixo impacto com benefícios sociais às famílias envolvidas.”, comentou Jéssica Fernandes, Coordenadora de Projetos do Ekos Brasil.

Os investimentos em cada projeto selecionado podem chegar a R$ 100 mil. As inscrições serão realizadas pelo site: https://prosas.com.br/editais/6967-programa-ecomudanca-edital-2020-linha-de-apoio-a-projetos

Serviço

Programa Ecomudança 2020

Período de inscrição: 30 de março à 30 de abril de 2020
E-mail de contato: ecomudanca.itau@ekosbrasil.org.

Fonte: Assessoria

Deixe um comentário