Prazo para inscrições no Prêmio ANA 2020 termina no sábado

Concurso premiará iniciativas inovadoras de conservação de recursos

Em sua sexta edição, o prêmio da Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA) 2020 está com as inscrições abertas até sábado (15). O prêmio avalia iniciativas que contribuem para a segurança hídrica, gestão racional de recursos e soluções sustentáveis para o Brasil.

Dividido em oito categorias, o Prêmio ANA 2020 procura soluções inovadoras em diferentes áreas, de gestão pública à educação, e conta com uma categoria especial de reconhecimento de produções jornalísticas de destaque sobre o tema. Reportagens veiculadas a partir de 1º de julho de 2017 poderão concorrer. As demais áreas de premiação são: Governo, Empresas de Micro ou de Pequeno Porte, Empresas de Médio ou de Grande Porte, Educação; Pesquisa e Inovação Tecnológica, Organizações Civis, Comunicação e Entes do Sistema Nacional de Gerenciamento de Recursos Hídricos (Singreh).

Estudantes, professores, entidades de educação e ensino não formais, como museus, centros culturais, bibliotecas, jardins e planetários também podem participar em uma nova categoria, reorganizada em 2020, para apresentar esses projetos: a categoria Educação.

Outra novidade foi a inclusão da categoria Entes do Sistema Nacional de Gerenciamento de Recursos Hídricos, adicionada para valorizar as ações de órgãos gestores de recursos hídricos, conselhos de recursos hídricos, comitês de bacias hidrográficas, agências de água e entidades delegatárias das funções de agências de água.

Avaliação

A Comissão Julgadora selecionará três iniciativas finalistas e a vencedora de cada uma das oito categorias com base nos seguintes critérios de avaliação: efetividade, inovação, impacto social e ambiental, potencial de difusão, sustentabilidade e adesão social. Para a categoria Comunicação, o critério de sustentabilidade não será aplicado.

Os vencedores serão conhecidos em data e local a serem definidos. Para receber o Prêmio ANA 2020, o participante deverá comprovar estar regularizado no poder concedente, quando couber, no caso de regiões em que o sistema de regulação do uso de recursos hídricos esteja implantado.

Inscrições

As inscrições devem ser feitas apenas por meio virtual e não serão aceitos materiais em meio físico, já que a Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico adota uma política de papel zero.

Cada participante pode inscrever mais de uma iniciativa. Além disso, poderão ser apresentados trabalhos indicados por terceiros, desde que acompanhados de declaração assinada pelo autor, concordando com a indicação e com o regulamento da premiação. As inscrições podem ser feitas pelo site da premiação.

Fonte: Agência Brasil – EBC
Edição: Graça Adjuto

Deixe um comentário