Campanha #somoslivres contra o trabalho escravo é lançada nesta quinta-feira

O Dia Nacional de Combate ao Trabalho Escravo é comemorado em 28 de janeiro, desde o assassinato de auditores fiscais em Unaí, MG

Começa nesta quinta-feira (28) a campanha #somoslivres contra o trabalho escravo. O lançamento coincide com a data que lembra o Dia Nacional de Combate ao Trabalho Escravo, que é comemorado em 28 de janeiro, desde que auditores fiscais do trabalha foram assassinados em Unaí, Minas Gerais, quando investigavam denúncias de trabalho escravo, em 2004.

Sobre a campanha #somoslivres, o Revista Brasil conversou com o procurador do Trabalho, Rafael Garcia Rodrigues, coordenador Nacional de Erradicação do Trabalho escravo.

Apesar do Brasil ser uma referência internacional no combate ao trabalho escravo, a situação do país em relação ao tema ainda é grave, afirma. De acordo com o promotor, em 2015, mais de mil trabalhadores foram resgatados desta condição.

Em recente pesquisa, foi possível identificar que ao mesmo tempo que a população brasileira vê o trabalho escravo como um dos maiores problemas do país, ela também tem dificuldades de enxergar como a situação se caracteriza, ressalta Rodrigues.

O procurador explica que campanha, lançada nesta quinta-feira (28), tem como principal objetivo tornar mais claro, especialmente, o caráter das condições degradantes e jornadas exaustivas como elementos do conceito brasileiro do trabalho escravo.

A campanha #somoslivres chega à população de forma dinâmica com a participação de artistas, será trabalhada nas mídias sociais, evidenciando essas situações cotidianas, não somente na área rural do país, mas também nas áreas urbanas.

Fonte: Rádio Nacional de Brasília

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *