Rio Tocantins começa a baixar em Marabá

Desde a última sexta-feira (3) à noite, o nível do Rio Tocantins vem baixando e, na manhã de ontem, chegou à marca de 10,46 metros na régua pluviométrica da Eletronorte. Com isso, o número de famílias atingidas pela cheia em Marabá não aumentou. São 116 famílias, das quais 88 estão alojadas em três abrigos montados pela Prefeitura Municipal de Marabá, sendo um na entrada da Marabá Pioneira e outros dois na Nova Marabá.

Segundo Joab Barbosa Pontes, coordenador da Defesa Civil de Marabá, os trabalhos agora estão concentrados no monitoramento dos abrigos, garantindo alguns serviços, como abastecimento de água e limpeza de banheiros. “Além disso, também estamos conscientizando as famílias a não se entusiasmarem com a baixa do rio, pois sabemos que essas oscilações acontecem ao longo da cheia, de forma que não é seguro voltar para casa antes de maio, quando o período chuvoso costuma cessar”, observa Joab.

As famílias começaram a ocupar os abrigos disponibilizados pela prefeitura desde o dia 21 de janeiro. Alguns ribeirinhos do bairro Santa Rosa, temendo o saque das instalações elétricas de suas casas e de outros materiais, se negam a se mudar para os abrigos e improvisam barracos nas praças da orla do Rio Tocantins.

A expectativa era de que o levantamento social no interior dos abrigos, feito pela Secretaria de Assistência Social de Marabá (Seasp) , terminasse ontem, viabilizando a entrega das primeiras cestas básicas, o que ainda não tem data para acontecer.

Fonte: Diário do Pará

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *