MPF e DPE defendem uso tradicional de área por indígenas de Benjamin Constant (AM) após intervenção de suposto proprietário

Documentos apresentados por pastor para obter título definitivo junto à prefeitura são considerados irregulares; área abandonada servia de ponto de venda de drogas até indígenas construírem centro comunitário O Ministério Público Federal (MPF) e a Defensoria Pública do Estado do Amazonas (DPE/AM) ajuizaram ação civil pública, com pedido de liminar, contra três pessoas da mesma …

MPF e DPE defendem uso tradicional de área por indígenas de Benjamin Constant (AM) após intervenção de suposto proprietário Leia mais »