No Pará, pescadores reivindicam seguro-defesa para preservar o caranguejo-uçá

Na Resex Caeté-Taperaçu, em Bragança (PA), os caranguejeiros param por seis semanas a pesca do crustáceo, mas não têm compensação e vivem com dificuldades.  Gessé da Silva Martins, de 48 anos, soma nos dedos das mãos os ofícios que exerce na vila do Meio, no município de Bragança, no nordeste do Pará: eletricista, pedreiro, carpinteiro, …

No Pará, pescadores reivindicam seguro-defesa para preservar o caranguejo-uçá Leia mais »