Forrageiras adaptadas evitam desmatamento de 23 milhões de hectares na Amazônia

Cultivares de gramíneas desenvolvidas pela Embrapa têm ajudado produtores rurais da Amazônia a manter a atividade pecuária produtiva mesmo em áreas com encharcamento, problema que causa a degradação e morte de pastagens na região. Adaptadas a solos com baixa capacidade de drenagem, essas gramíneas apresentam boa resistência no pasto e elevada produção de forragem de …

Forrageiras adaptadas evitam desmatamento de 23 milhões de hectares na Amazônia Leia mais »