presídio

Justiça determina interdição de presídio no Amazonas por condições precárias

O Tribunal de Justiça do Estado do Amazonas determinou a interdição da Unidade Prisional de Nova Olinda do Norte. A decisão da juíza Suzy Irlanda Araújo Granja da Silva, da comarca do município que fica a 126 km de Manaus, atende a um pedido do Ministério Público do estado. Conforme a decisão da magistrada, os …

Justiça determina interdição de presídio no Amazonas por condições precárias Leia mais »

Três detentos são encontrados mortos em presídio de Manaus

Três detentos foram encontrados mortos hoje (7) na Unidade Prisional do Puraquequara (UPP), na zona leste de Manaus, de acordo com informações preliminares da Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) e da Secretaria de Estado de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM). O Instituto Médico Legal (IML) foi acionado para perícia no local. A Seap …

Três detentos são encontrados mortos em presídio de Manaus Leia mais »

Funcionário de gestora do Compaj é acusado de passar informações a detentos

Um funcionário da empresa Umanizzare, responsável pela gestão do Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj), foi preso no último sábado (14).  Investigações da Polícia Civil do Amazonas descobriram que o empregado, cujo nome não foi revelado, passava informações a um detento sobre o número de agentes na guarita e no portão operacional, chamado P3. O P3, …

Funcionário de gestora do Compaj é acusado de passar informações a detentos Leia mais »

Palco de chacina em Manaus tenta voltar à normalidade em meio à tensão

“Aqui estavam os mortos”, explica um funcionário do Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj) ao juiz Luís Carlos Valois, da Vara de Execução Penal de Manaus, diante das primeiras celas do presídio, separado da entrada por quatro portões. No último sábado (14), a reportagem da Folha acompanhou a inspeção de Valois no local. Foi a primeira …

Palco de chacina em Manaus tenta voltar à normalidade em meio à tensão Leia mais »

Comerciantes de Manaus relatam queda no movimento após mortes em presídios

A Avenida Marechal, em Manaus – essencialmente comercial, com lojas, restaurantes populares e camelôs – parece cheia para qualquer visitante desavisado. Segundo alguns comerciantes, no entanto, o movimento caiu em razão do medo da violência após as mortes em presídios e fugas de detentos. Vanda de Souza, 54 anos, tem um comércio no local e …

Comerciantes de Manaus relatam queda no movimento após mortes em presídios Leia mais »